Reinvenção do mercado de cards esportivos

 

Existe reinvenção em todas as indústrias, até no tradicional e icônico mercado de cards e figurinhas. A Topps é uma das pioneiras em cards de jogadores de baseball, fundada em 1938, e responsável por criar toda uma cultura e uma legião de colecionadores aficionados em torno do produto.

Durante muito tempo foi um negócio estimado em 1 bilhão de dólares, mas que vem encolhendo cerca de 200 milhões de dólares anualmente, segundo a Major League Baseball Properties. Ainda que tenha tentado inovar e gerar uma rede social online em torno dos cards, a Topps acredita que a internet acabou tornando o ato de colecionar papel um tanto ultrapassado e sem sentido para os garotos de hoje.

topps1Sendo assim, a empresa se uniu com a francesa Total Immersion para lançar uma nova linha de cards de baseball: a Topps 3D Live. Nada mais é do que colocar um pouco de tecnologia no papel, e assim dar novo fôlego para toda uma indústria.

Através de realidade aumentada, basta colocar o cartão em frente uma webcam para fazer o jogador ganhar vida. E quando falo em ganhar vida, não é apenas ter um modelo 3D se movimentando na tela, mas também com a possibilidade de interagir e comandar o jogador. É possível até gerar disputas de um card com o outro, já que o software reconhece as informações de habilidade de cada jogador, mostrando quem é o melhor.

Assista o vídeo abaixo para entender melhor. Inspirador, para dizer o mínimo, e um belo exemplo de como usar a tecnologia a favor do produto, não apenas porque está na moda.

 

Fonte:  Brainstorm #9
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: